Tuesday, December 30, 2008

Oração de Fim de Ano

Joshua Reynolds - The Child Prophet Samuel in Prayer

Senhor Deus, dono do Tempo e da Eternidade,
Teu é o hoje e o amanhã,
o passado e o futuro.


Ao acabar mais um ano quero Te dizer
obrigado por tudo aquilo que recebi de Ti.


Obrigado pela Vida e pelo Amor;
pelas Flores, pelo Ar e pelo Sol,
pela Alegria e pela Dor,
pelo que foi possível e pelo que não foi.


Ofereço-te tudo o que fiz nesse ano:
o trabalho que pude realizar,
as coisas que passaram pelas minhas mãos
e o que com elas, pude construir.


Apresento-te as pessoas que ao
longo desse ano, amei.
As amizades novas e os antigos amores.
Os que estão perto de mim e os que pude ajudar.
As com quem partilhei a dor, o
trabalho, a vida a alegria.


Mas também Senhor,
hoje quero Te pedir perdão.
Perdão pelo tempo perdido,
pelo dinheiro mal gasto,
pela palavra inútil e pelo tempo desperdiçado.
Perdão pelas obras vazias e pelo trabalho mal feito.
Perdão por viver sem entusiasmo.


Também pela oração que aos poucos fui adiando e que agora
venho apresentar-Te.
Por todos meus olvidos, descuidos e silêncios
novamente Te peço perdão.


Nos próximos dias começaremos um Novo Ano.
Paro a minha vida diante do novo
calendário que ainda não se
iniciou e Te apresento esses dias
que somente Tu sabes se
chegarei a viver.


Hoje, Te peço para mim, meus parentes
e amigos, a Paz e a Alegria,
a Fortaleza e a Prudência,
a Lucidez e a Sabedoria.


Quero viver cada dia com
otimismo e bondade,
levando a toda parte um coração
cheio de compreensão e paz.


Fecha meus ouvidos à toda falsidade e meus
lábios à palavras mentirosas, egoístas ou que magoem.


Abre sim , meu ser, a tudo o que é bom.
Que meu espírito seja repleto
somente de bênçãos
para que as derrame por onde passar.


Senhor, a meus amigos ,
enche-os de Sabedoria, Paz e Amor...
e que nossa amizade dure para
sempre em nossos corações.


Enche-me também de bondade e
alegria para que todas as
pessoas que eu encontrar em
meu caminho possam descobrir
em mim, um pouco de Ti.


Dá-nos um Ano Feliz e ensina-nos
a repartir Felicidade.

Amém!!!

- Autoria desconhecida -

Special Appeal for the Palestinian People



Cartoons by Latuff

A Land of Peace.. or a Piece of Land?

Wednesday, December 24, 2008

To All my Friends!!

ARMENIAN:
Shenoraavor Nor Dari yev Pari Gaghand.

AZERI-AZERBAIJAN:
Tezze Iliniz Yahsi Olsun.

BASQUE:
Zorionstsu Eguberri. Zoriontsu Berri Urte.

BULGARIAN:
Tchestito Rojdestvo Hristovo. TchestitaNova Godina.

CATALAN :
Bon Nadal i Felic, any nou

CHINESE-CANTONESE:
Gun Tso Sun Tan'Gung Haw Sun.

CHINESE-MANDARIN:
Kung Ho Hsin Hsi. Ching Chi Shen Tan.

CZECH:
Prejeme Vam Vesele Vanoce a stastny Novy Rok.

DUTCH:
Zalig Kerstfeest en een Gelukkig Nieukjaar.


ESTONIAN:
Roomsaid Joulu Phui ja Uut Aastat.

FINNISH:
Hyvaa joula. Onnellista Uutta Voutta.

FRENCH:
Joyeux Noel et heureuse Anne.

GAELIC-IRISH:
Nolag mhaith Dhuit Agus Bliain Nua Fe Mhaise.

GAELIC-SCOT:
Nollaig Chridheil agus Bliadhna Mhath Ur.

GERMAN:
Frohliche Weihnachten und ein GluecklichesNeues Jahr.

GREEK:
Kala Khristougena kai Eftikhes to Neon Ethos.

HAWAIIAN:
Mele Kalikimake me ka Hauloi Makahiki hou.

HEBREW:
Mo'adim Lesimkha.

HUNGARIAN:
Boldog Karacsonyl es Ujevl Unnepeket.

ICELANDIC:
Gledlig jol og Nyar.

INDONESIAN:
Selamah Tahun Baru.

IROQUOIS:
Ojenyunyat Sungwiyadeson honungradon nagwutut.Ojenyunyat osrasay.

ITALIAN:
Buon Natalie e felice Capo d'Anno.

JAPANESE:
Shinnen omedeto. Kurisumasu Omedeto.

KOREAN:
Sung Tan Chuk Ha.

LATVIAN:
Priecigus Ziemas Svetkus un Laimigu Jauno Gadu.

LITHUANIAN:
linksmu sventu Kaledu ir Laimingu Nauju Metu.

MANX:
Ollick Ghennal Erriu as Blein Feer Die. Seihil asSlaynt Da'n Slane Loght Thie.

NORSE-DANISH:
Gledlig jul og godt Nytt Aar.

POLISH:
Wesolych Swiat Bozego Narodzenia i szczesliwegoNowego Roku.

PORTUGUESE:
Feliz Natal e Próspero Ano Novo.

RAPA-NUI (Easter Island):
Mata-Ki-Te-Rangi.Te-Pito-O-Te-Henua.

ROMANIAN:
Sarbatori Fericite. La Multi Ani.

RUSSIAN:
Pozdrevly ayu sprazdnikom Rozhdestva Khristova isNovim Godom.

UKRANIAN:
Veselykh Svyat i scaslivoho Novoho Roku.

SAMOAN:
La Maunia Le Kilisimasi Ma Le Tausaga Fou.

SLOVAK:
Vesele Vianoce. A stastlivy Novy Rok.

SERB-CROATIAN:
Sretam Bozic. Vesela Nova Godina.

SINGHALESE (Ceylon/Sri Lanka):
Subha nath thala Vewa. SubhaAluth Awrudhak Vewa.

SLOVENE:
Vesele Bozicne. Screcno Novo Leto.

SPANISH:
Feliz Navidad y Prospero Ano Nuevo.

SWEDISH:
Glad jul och ett gott Nytt ar.

TAGALOG (Filipino):
Maligayamg Pasko. Masaganang Bagong Taon.

TURKISH:
Yeni Yilnizi Kutar, saadetler dilerim.

WELSH:
Nadolic Llawen. Blwyddn Newdd Dda.

Tuesday, December 23, 2008

Calvin & Christmas

Calvin & Natal

Papai Noel.... Pai Natal

Papai Noel, como é chamado no Brasil....
(só com muita segurança mesmo!)


e Pai Natal, em Portugal

Monday, December 22, 2008

Sunday, December 21, 2008

The Man Who Dares

-click on the image to enlarge it-

Thursday, December 18, 2008

Drink and Drive

Problemas com Bebidas...

-clique na imagem para ampliar-

Wednesday, December 17, 2008

U.S. Auto Industry

Pensar é Progredir


“Que o outro saiba quando estou com medo, e me tome nos braços sem fazer perguntas demais.

Que o outro note quando preciso de silêncio e não vá embora batendo a porta, mas entenda que não o amarei menos porque estou quieta.

Que o outro aceite que me preocupo com ele e não se irrite com minha solicitude, e se ela for excessiva saiba me dizer isso com delicadeza ou bom humor.

Que o outro perceba minha fragilidade e não ria de mim, nem se aproveite disso.

Que se eu faço uma bobagem o outro goste um pouco mais de mim, porque também preciso poder fazer tolices tantas vezes.

Que se estou apenas cansada o outro não pense logo que estou nervosa, ou doente, ou agressiva, nem diga que reclamo demais.

Que o outro sinta quanto me dói a idéia da perda, e ouse ficar comigo um pouco – em lugar de voltar logo à sua vida, não porque lá está a sua verdade mas talvez seu medo ou sua culpa.

Que se começo a chorar sem motivo depois de um dia daqueles, o outro não desconfie logo que é culpa dele, ou que não o amo mais.

Que se estou numa fase ruim o outro seja meu cúmplice, mas sem fazer alarde nem dizendo: “Olha que estou tendo muita paciência com você!”

Que se me entusiasmo por alguma coisa o outro não a diminua, nem me chame de ingênua, nem queira fechar essa porta necessária que se abre para mim, por mais tola que lhe pareça.

Que quando sem querer eu digo uma coisa bem inadequada diante de mais pessoas, o outro não me exponha nem me ridicularize.

Que quando levanto de madrugada e ando pela casa, o outro não venha logo atrás de mim reclamando: “Mas que chateação essa sua mania, volta pra cama!”

Que se eu peço um segundo drinque no restaurante o outro não comente logo: “Pôxa, mais um?”

Que se eu eventualmente perco a paciência, perco a graça e perco a compostura, o outro ainda assim me ache linda e me admire.

Que o outro – filho, amigo, amante, marido – não me considere sempre disponível, sempre necessariamente compreensiva, mas me aceite quando não estou podendo ser nada disso.

Que, finalmente, o outro entenda que mesmo se às vezes me esforço, não sou, nem devo ser, a mulher-maravilha, mas apenas uma pessoa: vulnerável e forte, incapaz e gloriosa, assustada e audaciosa - uma mulher.”

-Crônica extraída do livro "Pensar é Progredir", de Lya Luft-

Tuesday, December 16, 2008

Monday, December 15, 2008

President Bush in Iraq & Shoe Attack

Actually there were Weapons of Mass destruction in Iraq!
SHOES!

Saturday, December 13, 2008

Incredible iPhone!

Selinhos

Recebi esses selinhos do blog "Carlão Tattoo" .
Obrigada, colega!
Repasso os mesmos para:

Friday, December 12, 2008

Conselhos para Homens

COMO EXTASIAR DE PRAZER UMA MULHER

Em geral os conselhos relacionados ao assunto raramente rendem o sucesso esperado. Mas não é o caso destas cinco técnicas infalíveis. Quer deixar sua parceira “louquinha”? Comece seguindo estes conselhos. (Atenção: Segredos revelados por uma mulher)

Técnica nº1: Mãos Molhadas
Sim, a técnica das mãos molhadas. Certamente a mais popular entre as mulheres. Tão simples. Tão excitante. Você vai deixá-la sem fôlego:
Faça a sua mulher sentar-se numa cadeira confortável na cozinha. Certifique-se que ela consegue ver muito bem tudo que você faz.
Encha a pia da banca da cozinha com água e adicione algumas gotas de detergente para louça com aroma. (Existem muitos aromas que podem ser utilizados -maçã, limão, lavanda - escolha o que quiser. Se estiver em dúvida, experimente o ‘neutro’).
Pegue numa esponja macia, submerja as mãos na água e sinta sua pele ser envolvida pelo líquido até que a esponja esteja bem molhada.
Agora, movendo-se devagar e gentilmente, pegue num prato sujo do jantar, coloque-o dentro da pia e esfregue a esponja em toda a superfície do prato. Vá esfregando com movimentos circulares até que o prato esteja limpo.
Enxagúe o prato com água limpa e coloque-o a secar. Repita com toda a louça do jantar até que sua parceira esteja extasiada de prazer.

Técnica nº2: Vibrando pela Sala
Esta técnica utiliza o que para muitas mulheres é considerado um “brinquedinho”. É um pouco mais difícil do que a primeira, mas com algum treino vai fazer com que sua parceira grite de prazer.
Cuidadosamente pegue no aspirador do lugar onde ele fica guardado. Seja gentil, demonstre a ela que sabe o que está a fazer.
Ligue-o à tomada, aperte os botões certos na ordem correcta.
Vagarosamente vá se movendo para frente e para trás, para frente e para trás… Por toda a carpete da sala. Saberá quando deve passar para uma nova área.
Vá mudando gradativamente de lugar. Repita quantas vezes seja necessário até atingir os resultados.

Técnica n°3: A Camisola Molhada
Este joguinho é bem fácil, embora precise de mente rápida e reflexos certeiros. Se você for capaz de administrar correctamente a agitação e a vibração do processo, a sua parceira falará de sua performance a todas as amigas dela.
Você precisará de duas pilhas de roupas sujas. Uma com as roupas brancas, e outra com as coloridas.
Encha a máquina de lavar com água e vá deitando gentilmente o detergente e amaciador dentro dela (para deixar a mulher ofegante, use exactamente a quantidade recomendada pelo fabricante).
Agora, sensualmente coloque as roupas brancas na máquina… uma de cada vez…. Devagar. Feche a tampa e ligue o ‘ciclo completo’.
Enquanto você vê sua companheira babar de desejo por você, essa é uma óptima oportunidades para pôr em prática a Técnica nº2.
No fim do ciclo, retire as roupas da máquina e estenda-as para secar. Repita a operação com as roupas coloridas.
Atenção: Se nesse ponto ela começar a gritar algo como: - “Sim! Sim! Ai! Isso! Ai mesmo! Oh meu Deus! Não pára! Não pára!” Não pare. Continue até que ela esteja exausta de prazer.

Técnica nº4: O que sobe, desce
Esta é uma técnica muito rapidinha. Para aqueles momentos em que você quer surpreendê-la com um toque de satisfação e felicidade. Pode ter certeza, ela não vai resistir.
Ao ir ao WC, levante o assento da sanita. Ao terminar, baixe novamente.
Se o rolo do papel higiénico acabou, substitua por outro, colocando-o no sítio respectivo.
Faça todas as vezes.
Ela vai precisar de atendimento médico de tanto prazer.

Técnica nº5: Gratificação Total
Cuidado: colocar em prática esta técnica pode levar a sua companheira a um tal estado de sublimação que será difícil depois acalmá-la, podendo causar riscos irreversíveis na saúde da mulher.
Esta técnica leva algum tempo para aperfeiçoar. Empenhe-se com afinco. Experimente sozinho algumas vezes durante a semana e tente surpreendê-la numa sexta-feira à noite. Funciona melhor se ela trabalha até tarde, ou não tem hora certa de saída do emprego e chega cansada a casa.
Aprenda a fazer uma refeição completa. Seja bom nisso.
Quando ela chegar a casa, convença-a a tomar um banho relaxante (de preferência aromático numa banheira de água morna que você já preparou).
Enquanto ela está lá, termine o jantar que você já adiantou antes dela chegar em casa.
Após ela estar relaxada pelo banho e saciada pelo jantar, proceda com a Técnica nº1.
Preste atenção nela pois o estado de satisfação será extremamente alto, podendo causar coma repentino.

O "seu" dinheiro

Wednesday, December 10, 2008

Madeira Islands Nature's Paradise

Acende a tua luz

Faze brilhar a tua própria luz,
Não importa que seja pequenina
A luz que acendes sobre a escuridão,
Semelhante a singela lamparina...

Ou que seja, quem sabe, humilde vela
Que clareie na estrada tão somente
Os passos do andarilho já cansado,
A vagar entre as sombras, lentamente.

Se não podes brilhar feito uma estrela
Que irradia, nos céus, o excelso lume,
Que sejas sobre a terra, onde estiveres,
Ao menos o piscar de um vagalume.

Acende a tua luz inda que seja
Anônima candeia, débil flama,
A tremular no peito, vacilante,
Na timidez da crença que proclama...

Acende a tua luz sem que te esqueças
Que nem o sol na rota em que se esgueira
Consegue iluminar, ao mesmo tempo,
De um hemisfério ao outro, a terra inteira!

- Eurícledes Formiga, psicografado por Francisco Cândido Xavier -